Navegação: Início | Notícias

Giovani confirma a condição de destaque do Brasil na São Silvestre

31|12|2016 - 15:28 | Assessoria de Imprensa da Confederação Brasileira de Atletismo

Fonte: CBAt

Giovani comemora antes de cruzar a chegada (Djalma Vassão/Gazeta Press)
Clique na Imagem para Ampliar
São Paulo - Os mineiros Giovani dos Santos e Tatiele Roberta de Carvalho foram os brasileiros mais bem colocados na 92ª Corrida Internacional de São Silvestre, disputada na manhã deste sábado (dia 31) por ruas e avenidas de São Paulo. A tradicional prova paulistana fechou o Ranking CAIXA CBAt de Corredores 2016, que teve 19 etapas nesta temporada e registrou mais de 200 atletas com pontos nas categorias masculina e feminina.

Giovani (Pé de Vento Caixa-RJ) terminou a prova de 15 km em quarto lugar. Ele esteve no pelotão de frente até entrar na subida da Avenida Brigadeiro Luiz Antonio, quando foi superado pelos africanos. "Fiz o meu melhor, liderando em alguns momentos, sem me esconder", lamentou o corredor, que garantiu não estar triste. "Vou comemorar o fim de ano da melhor forma possível, com alegria, como sempre. Espero que todos tenham um feliz Ano Novo", desejou Giovani, que pretendia homenagear a Chapecoense com o título da São Silvestre. "Essa quarta colocação é para Chapecó. Antes, não torcia por clube nenhum. Agora, torço por eles."

Na categoria masculina, a dobradinha foi etíope numa chegada emocionante na Avenida Paulista. Leul Aleme foi o campeão, com o tempo de 44:53, seguido de Dawit Admasu, com 44:55. O queniano Stephen Kosgei foi o terceiro colocado, com 45:00.

No feminino, Tatiele Roberta (Orcampi Unimed-SP), que representou o Brasil na prova dos 10.000 m nos Jogos do Rio 2016, ficou feliz com o sétimo lugar, apesar de lamentar o calor. "Estava muito quente. Queria um tempo menor, mas devido às condições climáticas senti um pouco, principalmente do quilômetro 8 ao 12. Mas consegui segurar a classificação e estou feliz, independentemente do resultado", afirmou a brasileira.

Tatiele exaltou o fato de ser a melhor brasileira na São Silvestre. "Foi uma vitória. Sabia que seria um dos anos mais difíceis da prova. Treinei bastante, corri nos Jogos Olímpicos e já ganhei uma bagagem para fazer uma boa preparação para a São Silvestre. Trabalhei para subir no pódio, mas infelizmente não deu", lembrou.

A queniana Jemima Sumgong, medalha de ouro na maratona dos Jogos do Rio, foi a campeã com o melhor resultado da história da prova dos 15 km, que teve o percurso alterado este ano, com 48:35. Flomena Cheyech Daniel, também do Quênia, ficou em segundo lugar (49:15), seguida de Eunice Chumba, do Bahrein (50:26).

Pódio da São Silvestre 2016

Masculino

1-Leul Aleme (ETH) - 44:53
2-Dawit Admasu (ETH) - 44:55
3-Stephen Kosgei (KEN) - 45:00
4-Giovani dos Santos (BRA) - 45:30
5-Willian Kibor (KEN) - 45:49

Feminino
1-Jemima Sumgong (KEN) - 48:35
2-Flomena Cheyech Daniel (KEN) - 49:15
3-Eunice Chumba (BAH) - 50:26
4-Ymer Ayalew (ETH) - 51:40
5-Ester Kakuri (KEN) - 51:45

O Ranking CAIXA CBAt de Corredores 2016 teve 19 etapas nesta temporada e foi aberto no dia 10 de abril, com a disputa da Meia Maratona Internacional Caixa de Brasília.

 

Contato | Links | Mapa do Site | Publicidade

© Copyright 2002-2010, CBAt - Todos os direitos Reservados

Rua Jorge Chammas, 310 - Vila Mariana - São Paulo - SP - CEP: 04.016-070
Telefone: (011) 5908-7488
- E-mail: cbat@cbat.org.br

Desenvolvido por: Neo Competição