Sub-20

Alison dos Santos quebra recorde sul-americano sub-20

Alison dos Santos (Daniel Sigaki/CBAt)

Aos 18 anos, atleta paulista venceu os 400 m com barreiras no Bryan Clay Invitational, nos Estados Unidos, com 49.48, obtendo qualificação para o Pan-Americano de Lima, no Peru, e para o Pan-Americano Sub-20 de San José, na Costa Rica

Bragança Paulista - Alison Brendom Alves dos Santos (Pinheiros-SP) foi um dos destaques do Brasil no Bryan Clay Invitational, disputado nesta sexta-feira (19/4), em Azuza, Califórnia, nos Estados Unidos. O atleta de apenas 18 anos, considerado uma das grandes promessas do atletismo nacional, venceu a prova dos 400 m com barreiras, com 49.48, estabelecendo novo recorde sul-americano sub-20 .

O recorde anterior era de Mikael Antonio de Jesus, com 49.62, alcançado no dia 15 de maio de 2016, no Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, durante a conquista da medalha de prata no Campeonato Ibero-Americano, evento teste para o Rio 2016.

Na prova de Azusa, disputada no Cougar Stadium, os norte-americanos Cordell Cummings e Vince DiVenere ficaram na segunda e na terceira colocações, com 51.95 e 52.05, respectivamente.

Com a marca de 49.48, Alison está qualificado para os Jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru, e para o Campeonato Pan-Americano Sub-20, em San José, na Costa Rica. O índice para o Mundial de Doha, no Catar, é de 49.30.

Alison, paulista de São Joaquim da Barra, ganhou no ano passado a medalha de bronze nos 400 m com barreiras do Campeonato Mundial Sub-20 de Tampere, na Finlândia, com 49.78. Em 2017, ele integrou o revezamento 4x400 m misto, campeão no Mundial Sub-18 de Nairóbi, no Quênia.

O atleta orientado por Felipe de Siqueira da Silva participa do Camping Internacional de Treinamento e Competição, que faz parte do Programa de Preparação Olímpica (PPO), com recursos do Programa Caixa de Campings da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) e do Comitê Olímpico do Brasil (COB).

No mesmo grupo estão Allan Wolski, terceiro colocado no lançamento do martelo, com 73,33 m, e Ana Carolina Azevedo, que ficou em quinto lugar nos 100 m, com 11.59 (1.3), também na sexta-feira.