PREPARAÇÃO

Mais brasileiros seguem para o Camping nos Estados Unidos

Tiffany Marinho, uma das integrantes do Camping do 4x400 m misto (Foto: Wagner Carmo/CBAt)

Os atletas do segundo grupo embarcaram para San Diego. Lá vão se encontrar com os 18 brasileiros que já estão em Chula Vista para treinar para o Mundial de Revezamentos da Polônia e Jogos Olímpicos de Tóquio

Bragança Paulista – Mais sete atletas – quatro no masculino e três no feminino - do revezamento 4x400 m misto, já qualificado para os Jogos Olímpicos de Tóquio, além de Márcio Teles (Orcampi), dos 400 m com barreiras, também com índice assegurado para a Olimpíada, embarcaram para os Estados Unidos na noite de terça-feira (6/4) no Aeroporto Internacional de Guarulhos (SP) para o Camping Internacional de Treinamento e Competição no Chula Vista Elite Athlete Training Center, no condado de San Diego, Estados Unidos.



Em Chula Vista, o grupo se encontrará com outros 18 atletas, que já estão nos Estados Unidos desde o dia 17 de março. A grande maioria é dos revezamentos 4x100 m masculino e feminino.



Três dos convocados não conseguiram viajar por não conseguirem em tempo os vistos para entrada no país: a corredora Victoria Belo de Sena (APA-SP) e os treinadores Antônio Nílson de Souza e Inaldo Sena. A nova data de embarque depende da obtenção do documento.



O camping faz parte do Programa de Preparação Olímpica (PPO), numa parceria da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) e do Comitê Olímpico do Brasil (COB) para os Jogos de Tóquio. A viagem só foi viabilizada neste momento de pandemia da COVID-19 por causa de acordos entre o COB e o Comitê Olímpico dos Estados Unidos.



“O camping será importante tanto como treinamento como pela possibilidade de os atletas participarem de competições, não só individuais, mas também de revezamentos 4x400 m masculino e feminino. Não temos nenhum evento previsto para o misto, mas a oportunidade de reunir o grupo e treinar é importante”, comentou o técnico Evandro Lazari. “Antes da Olimpíada, teremos o Campeonato Mundial de Revezamentos, em que o 4x400 m misto buscará nova final.”



Para o campeão brasileiro e líder do Ranking Nacional de 2020 dos 400 m, Lucas da Silva Carvalho (FECAM/ASSERCAM), a possibilidade é muito interessante. “O objetivo do camping é ajustar um pouco mais os treinos e competir em solo norte-americano. Isso é muito importante como preparação para o Mundial e Olimpíada”, comentou o atleta, campeão brasileiro também dos 200 m.



O Mundial de Revezamentos será disputado nos dias 1 e 2 de maio, em Silesia, na Polônia. Dos Estados Unidos, os convocados para a competição seguirão para um camping previsto de aclimatação na cidade de Rio Maior, em Portugal.



O camping em Chula Vista conta com a realização de testes e avaliações promovidas pelo Laboratório Olímpico do COB nas áreas da bioquímica, fisiologia, biomecânica, entre outras, conforme acordado previamente com treinadores e atletas.



Viajaram nesta terça-feira: Lucas Carvalho (FECAM/ASSERCAM), Anderson Henriques (AABLU), Alexander Russo (Orcampi), João Henrique Falcão Cabral (CT-Maranhão), Tiffani Marinho (Orcampi), Tabata Vitorino de Carvalho (AA Maringá) e Cristiane dos Santos Silva (UCA). Seguiram com o grupo os treinadores Evandro Lazari e Leonardo Ribas, além da médica Débora Borowik Reiss.